Nutrição: A fórmula da juventude!

Publicou: Marcia Parente às 01:00
Imagine ir ao médico e, depois de alguns minutos de consulta, sair de lá com comprimidos mágicos, que têm o efeito de trazer de volta 20 ou mais anos de sua vida. O medicamento receberia o nome de "fórmula da juventude" e todos teriam acesso a ele.

É claro que tudo isso não passa de uma fábula - um dia, quem sabe, seja realidade. De tão almejado pelo homem, o elixir da vida pode ser considerado um tabu que aos poucos a ciência vem derrubando. Há décadas, o que tem se mostrado é que, longe de pílulas ou injeções que atuam contra o envelhecimento, boa parte do segredo para se estender a jovialidade está no cardápio.

"Determinados alimentos prolongam a vida útil das células devido às suas atividades antioxidantes", aponta a nutricionista Camila Diniz, do Hospital Israelita Albert Einstein, de São Paulo.

Gene do envelhecimento

Estudo realizado pela Universidade de Leicester e pelo King's College, ambos de Londres, indicou que, pela primeira vez, foi identificado um gene do envelhecimento. Segundo relatório publicado na revista Nature Genetics, os cientistas analisaram o código genético de mais de 10 mil candidatos e descobriram que esse gene estava em alguns deles e, por isso, apresentaram características e doenças ligadas ao envelhecimento com mais antecedência. Os voluntários com hábitos considerados ruins para a saúde, como fumar e não se exercitar, tiveram danos ainda maiores.

Cuide das células

Antes de explicar o que prolonga a saúde das células, primeiro é preciso saber o que as danifica. Aqui, o vilão é conhecido como radicais livres. São produzidos naturalmente pelo organismo afinal, todos envelhecem. Seu excesso é que leva ao envelhecimento precoce. Como aumentamos a quantidade dessas moléculas no corpo não é segredo. Tabagismo, má alimentação e sedentarismo são alguns dos hábitos nada saudáveis que colaboram para o avanço dessas tropas inimigas.

Para se ter ideia, neste exato momento, somos atacados pelos radicais livres. Isso porque o oxigênio da respiração, em seu processo de obtenção de energia, dá uma mãozinha a esses malfeitores.

Ao serem produzidos, o organismo os detecta e arma o contra-ataque. "Naturalmente, desenvolvemos mecanismos de defesa antioxidante contra o ataque pró-oxidativo do oxigênio para assegurar a integridade das estruturas celulares", explica Lílian Piñero Eça, PhD em biologia molecular e consultora-técnica do Banco de Cordão Umbilical - BCU Brasil.

O problema é que nem sempre o organismo dá conta do recado. Fumar, por exemplo, estimula ainda mais a fabricação dos radicais livres, "o que interfere, e muito, na função dos antioxidantes naturais", indica Fernando Moreto, biomédico mestre em patologia do Centro de Metabolismo em Exercício e Nutrição do Departamento de Saúde Pública da Faculdade de Medicina de Botucatu (Unesp-SP).

É uma questão simples: a quantidade desses intrusos é tanta que não há antioxidantes naturais suficientes para combatê-los. Com isso, mais células são danificadas e menor é a ação delas no corpo. Daí o envelhecimento precoce. É por essas e outras que uma pessoa de 30 anos pode aparentar 10 anos ou mais que sua idade original. A boa notícia é que algo pode ser feito contra isso. É quando a alimentação entra em cena.

Invista em peixe

Diversos estudos atestam os benefícios à saúde da carne de peixe, tanto que, de acordo com a Organização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação (FAO, na sigla em inglês), o produto deveria ser consumido de duas a três vezes por semana. "O peixe contém vitamina E, outro tipo de antioxidante", informa a nutricionista Camila Diniz. Sem contar que o alimento é opção mais leve em comparação à carne vermelha.

As nozes também são boas fontes desse nutriente. O problema é que elas não podem ser consumidas em excesso, pois são calóricas. Ingerir três ou quatro unidades por dia é suficiente para aumentar o seu esquadrão de defesa.

Preserve a pele

Os radicais livres não poupam a pele também - com o tempo, é natural que ela perca a elasticidade. Daí, investir em alimentos de cores fortes e vibrantes, como a abóbora, a cenoura e o espinafre, ricos em betacaroteno, faz diferença para evitar que isso ocorra precocemente.

O curioso é que, ao entrar em contato com o organismo, esse antioxidante se transforma em vitamina A. É como se fosse um reforço para melhorar o funcionamento das células da pele.

Aposte no tomate

Nele se concentram boas doses de licopeno, antioxidante muito estudado pela ciência. Comê-lo todo dia, portanto, é outra saída para dar uma rasteira nos radicais livres. E aqui vai uma dica: prefira o molho de tomate. Em pesquisas, descobriu-se que o componente é mais bem-aproveitado quando cozido. Segundo os especialistas, o licopeno neutraliza os radicais livres mais do que o betacaroteno.

Sem falar que o componente também preserva a saúde da próstata. De acordo com um estudo realizado pela Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, o licopeno protege contra a oxidação do colesterol, dificultando a produção de células malignas.

Vida longa às células

Um estudo realizado pela Universidade de Wisconsin, nos Estados Unidos, revelou que o resveratrol, um polifenol encontrado no suco de uva e no vinho tinto, contribui para atrasar o envelhecimento e proteger o coração de doenças.

Para os cientistas, a explicação estaria na capacidade do resveratrol de estimular a produção e o funcionamento de uma família de enzimas chamadas de sirtuínas, que agem como escudos das células. Em quantidades elevadas algo como uma taça de vinho ou um copo do suco por dia , elas prolongam a vida das células. "No caso da bebida alcoólica, se o consumo for exagerado, o efeito é contrário", comenta Camila Diniz.


Conheça os alimentos campeões em antioxidantes e quanto se deve consumir de cada um:

Maçã: 1 por dia.
Aveia: 2 colheres (sopa) por dia.
Alho: utilizar em todos os temperos.
Soja: 1 porção (aproximadamente 50 gramas) três vezes por semana.
Azeite de oliva extravirgem: 1 colher (sopa) rasa por dia.
Tomate: 2 colheres (sopa) do molho por dia.
Castanha do Brasil: 1 porção diária. (aproximadamente 50 gramas).
Iogurte: 1 copo por dia.
Semente de linhaça: 1 colher (sopa) por dia.
Uva: de 6 a 10 bagos por dia.
Água de coco: 1 copo por dia.
Brócoli: 1 porção por dia
Peixe: 1 porção três vezes por semana.
Feijão: 1 concha pequena por dia.

Cardápios nota dez em saúde!

Sugestão 1

Café da manhã: pão integral, ricota, 1 copo de iogurte desnatado, mamão, granola e castanha do Brasil.

Lanche da manhã: 1 copo de suco de laranja.

Almoço: arroz integral, feijão com sementes de linhaça, tomate temperado com azeite extravirgem, brócoli, filé de peixe com alcaparras e suco de melancia.

Lanche da tarde: torrada integral, patê de cenoura e chá-verde gelado.

Jantar: arroz integral, feijão com semente de linhaça, abóbora temperada com azeite extravirgem, rúcula, omelete de espinafre e um cálice de vinho tinto.

Sugestão 2

Café da manhã: fruta, pão integral, requeijão, geleia ou margarina (em pequenas quantidades), leite desnatado e café.

Lanche da manhã: iogurte natural ou desnatado.

Almoço: arroz integral, feijão, carne de frango ou de peixe, hortaliças (cenoura, cebola, vagem, brócoli, couve-flor, abobrinha, chuchu, abóbora e verduras), suco de frutas e frutas para a sobremesa. Observação: usar alho, manjericão, orégano, alecrim, salsa ou salsinha para preparar os alimentos.

Lanche da tarde: pão integral, queijo branco e suco de frutas.

Jantar: arroz integral, carne de frango ou de peixe, hortaliças, frutas de sobremesa.

Ceviche de robalo
Ingredientes
2 filés grandes (300 g) de peixe branco (robalo, namorado, linguado)
1 col. (café) de gengibre ralado
1 pimenta dedode-moça picada
1/2 cebola roxa média em fatias finas
Sal a gosto
½ dente de alho picado
Suco de
5 limões taiti
Coentro picado a gosto

Modo de fazer
Corte o peixe em cubos e tempere com o sal, o alho, o gengibre, o suco de limão e a pimenta. Misture bem. Junte o coentro e a cebola e misture novamente. Sirva imediatamente.

Tempo de preparo: 15 minutos
Rende: 2 porções
Calorias por porção: 172

Farofa de linhaça
Ingredientes
• 4 col. (sopa) de semente de linhaça
• 8 col. (sopa) de gergelim branco
• 3 col. (sopa) de gérmen de trigo cru

Modo de preparo
Coloque todos os ingredientes em uma frigideira antiaderente e leve ao fogo para tostar rapidamente. Mexa sem parar. Bata no liquidificador até virar uma farofinha. Espere esfriar totalmente e guarde num vidro bem fechado. Polvilhe na sopa. . A receita rende bastante e, por isso, pode ser armazenada e usada aos pouquinhos.

Rendimento: 15 colheres de sopa
Calorias por colher: 63
Tempo de preparo: 15 minutos

Musse de iogurte e nozes
Ingredientes
• 2 col. (chá) de gelatina em pó sem sabor
• 5 col. (sopa) de água
• 1 caixinha de creme de leite light
• 1 copo de iogurte natural desnatado
• 1 col. (chá) de essência de baunilha
• 6 col. (sopa) de adoçante culinário
• 3 claras batidas em neve
• 100 g de nozes moídas grosseiramente
• 1 col. (sopa) de mel

Modo de fazer
Hidrate a gelatina na água. Em seguida, dissolva-a em banho-maria. Reserve. Coloque em uma tigela refratária grande o creme de leite, o iogurte, a essência de baunilha e o adoçante. Misture bem. Encaixe a tigela em uma panela e leve-a ao fogo, em banho-maria, mexendo até começar a ferver. Em seguida, acrescente a gelatina e, por último, as claras. Misture, vagarosamente, até ficar homogêneo. Retire do fogo e deixe esfriar. Distribua em 6 taças individuais e leve à geladeira por no mínimo 2 horas ou até ficar firme. Na hora de servir, polvilhe com as nozes.

Rendimento: 6 porções
Calorias por porção: 237
Tempo de preparo: 45 minutos mais 2 horas para gelar

Fonte Revistas:Vida Natural e Equilibrio, Boa Forma

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigada pela visita! Seu comentário é muito importante.

 

Saudável e Bela Copyright © 2012 Design by Cecilia Parente inspirado em Vinte e poucos